Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Jornal Folha Cidade | 19 de novembro de 2017.

Scroll to top

Top

Sem Comentários

Polícia Civil investiga suposto caso de erro médico em Ilha Solteira

Polícia Civil investiga suposto caso de erro médico em Ilha Solteira
Da redação

A família do pedreiro Miquéias Santos de Lima, 19, acusa a unidade de saúde de negligência, por ele ter morrido após receber remédios para conter uma reação alérgica

A Polícia Civil investiga um suposto caso de erro médico que teria acontecido no Hospital Regional de Ilha Solteira. Conforme informações policiais, a família do pedreiro Miquéias Santos de Lima, 19, registrou boletim de ocorrência e acusa a unidade de saúde de negligência, por ele ter morrido após receber medicamentos para conter uma reação alérgica decorrente de um ataque de vespas.

O pedreiro foi levado ao hospital no último dia 17 de outubro com inchaço no pescoço e rosto e falta de ar depois de ser picado várias vezes pelos insetos. Após seis horas de espera no pronto atendimento do Hospital Regional, de acordo com a família, ele recebeu duas injeções, sofreu um choque anafilático e morreu.

Segundo a mãe da vítima, apesar de estar com o rosto inchado, Miquéias estava bem e consciente antes de ser medicado. O médico responsável pelo atendimento foi informado de que o paciente tinha reação a qualquer tipo de substância com corante em sua composição química, mas ainda assim, recebeu duas injeções que, para a família, podem ter sido responsáveis por sua morte.

Ao passar mal, o rapaz foi encaminhado para a UTI, mas não resistiu. O laudo emitido pelo IML (Instituto Médico Legal) apontou como causa da morte asfixia mecânica por edema na glote. Nos próximos dias, os familiares e integrantes da equipe médica serão convocados para depor na delegacia de Polícia Civil. Se o inquérito policial confirmar erro médico, os profissionais podem responder por homicídio culposo – quando não há intenção de matar. A vítima foi enterrada em Castilho.

 

Compartilhe nas Redes Sociais


Comente com o Facebook


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/focuspro/public_html/jornalfolhacidade/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273